quarta-feira, 5 de agosto de 2020

Paco Velásquez: matador faz prova para cavaleiro praticante este sábado na Barquinha


Organizada pelo empresário José Gonçalves, realiza-se no próximo sábado, 8 de Agosto, a partir das 22h00, uma grandiosa corrida de toiros na praça ribatejana de Vila Nova da Barquinha, na qual fará a prova para praticante o cavaleiro Paco Velásquez (foto), que em 2014 já recebeu no México a alternativa de matador de toiros. Será o segundo caso em Portugal depois do açoreano Mário Miguel, que tomou igualmente as alternativas de matador e de cavaleiro.
Paco Velásquez vai repartir cartel com João Moura Caetano e Miguel Moura e lidará dois toiros da ganadaria de Maria Guiomar Moura, enquanto que os companheiros enfrentarão exemplares da ganadaria de Paulo Caetano.
Pegam os dois grupos de forcados da Chamusca, os Amadores e os do Aposento, respectivamente capitaneados por Nuno Marecos e Pedro Coelho dos Reis.


Foto D.R.


Covid-19: um morto na região de Lisboa e 167 novos casos de infecção


Portugal registou nas últimas 24 horas mais uma morte e 167 novos casos de infecção de covid-19. Em contrapartida há mais 247 recuperados.
No total, desde Março, há a registar 1.740 mortos e 51.848 infectados.
Segundo o boletim de hoje da Direcção-Geral de Saúde, houve hoje apenas um morto, um homem com idade entre os 50 e os 59 anos, da região de Lisboa e Vale do Tejo.

Fonte: "Jornal de Notícias"/DGS

Foto D.R.



Manuel Telles Bastos amanhã no Campo Pequeno: "Um desafio em toda a linha!"



Manuel Ribeiro Telles Bastos, o cavaleiro clássico da nova geração, representante de uma das mais ilustres dinastias toureiras nacionais, que iniciou a temporada sagrando-se absoluto triunfador da primeira corrida que se realizou a nível mundial depois do desconfinamento, no passado dia 11 de Julho na praça de Estremoz, apresenta-se amanhã no Campo Pequeno para enfrentar os toiros da emblemática ganadaria Murteira Grave na segunda grande corrida da temporada na capital.
Vai repartir cartel com Ana Batista, que celebra os seus 20 anos de alternativa e com Luis Rouxinol Júnior, estando as pegas a cargo dos Amadores de Montemor e Amadores de Vila Franca.
Em declarações ao "Farpas", a 24 horas da grande noite, Manuel Telles Bastos considera que "ir a Lisboa esta quinta-feira é um desafio em toda a linha!".
E explica porquê:
"Nesta época paralisada, esta é a forma de nos sentirmos vivos e defender a nossa Festa, ao ir e dar a cara, sem facilitismo... com uma corrida que impõe respeito e que é conhecida! Se for um êxito, ganhamos todos e é esse o meu desejo. Que Deus reparta sorte!".

Fotos Pelayo Leal e Maria Mil-Homens



5 de Setembro: Francisco Cortes celebra 25 anos de alternativa em Estremoz


O cavaleiro Francisco Cortes celebra os seus 25 anos de alternativa no próximo dia 5 de Setembro numa grande corrida a realizar na sua terra natal, Estremoz, em que vai repartir cartel com Luis Rouxinol, Miguel Moura, Luis Rouxinol Jr., o praticante António Ribeiro Telles e o amador Francisco Maldonado Cortes, seu filho.
Pegam em solitário os forcados Amadores de Évora, capitaneados por João Pedro Oliveira e lidam-se quatro imponentes toiros e dois novilhos da prestigiada ganadaria Branco Núncio.
Os bilhetes estão à venda no Quiosque do Rossio e, no dia da corrida, nas bilheteiras da praça de toiros. Podem já ser feitas reservas pelo telemóvel 926 762 046.


Alcochete: o toiro de Canas Vigouroux para o Concurso deste sábado


Nesta foto, o toiro da ganadaria Canas Vigouroux para o 38º Concurso de Ganadarias Associadas "António Manuel Cardoso Nené" que já no próximo sábado, dia 8, a partir das 22h00, se vai realizar na castiça praça de Alcochete.
O cartel, de alta competição, é composto pelos cavaleiros João Ribeiro Telles, Francisco Palha e António Prates e pelos valorosos forcados Amadores de Alcochete, capitaneados por Nuno Santana, que pegam os seis toiros em solitário.
Este toiro vai disputar os prémios de bravura e apresentação com exemplares das ganadarias Veiga Teixeira, António Silva, Fernandes de Castro, Brito Paes e José Palha.
Continua a registar-se enorme afluência de público à bilheteira da empresa Toiros & Tauromaquia, que abriu na passada sexta-feira no Largo de São João, em Alcochete, junto à Igreja Matriz.

Foto T. Caeiro/Toiros & Tauromaquia

Ana Batista celebra 20 anos de alternativa amanhã no Campo Pequeno


Nesta foto recordamos o momento da alternativa da cavaleira Ana Batista, a 8 de Julho de 2000 na Corrida TV na Monumental de Coruche, sendo apadrinhada pelo eterno e sempre lembrado Joaquim Bastinhas e também, a título simbólico, por Conchita Cintrón.
Testemunharam o acto os cavaleiros António Ribeiro Telles, Rui Salvador, Luis Rouxinol e José Manuel Duarte e a cavaleira lidou o toiro "Cigarreiro", com o nº 15 e o peso de 510 quilos, da ganadaria de Manuel Assunção Coimbra, tendo brindado a lide a seu pai.
Vinte anos depois, Ana Batista celebra a efeméride já amanhã no Campo Pequeno, na segunda grande corrida da nova temporada, alternando com Manuel Telles Bastos e Luis Rouxinol Jr. e os forcados de Montemor e Vila Franca, na lide de um sério curro de toiros da ganadaria Murteira Grave.

Foto D.R.

Jorge Moreira da Silva reeleito presidente da Direcção da APIFVET


Jorge Moreira da Silva, o conhecido médico veterinário que costuma assessorar a direcção das corridas no Campo Pequeno (e noutras praças também) foi reeleito no passado dia 13 de Julho como presidente da Direcção da Associação Portuguesa da Indústria Farmacêutica de Medicamentos Veterinários (APIFVET).

Joaquim Ramos e Nuno Pedro são, respectivamente, presidentes da Assembleia-Geral e do Conselho Fiscal.

Criada em 2018, a APIFVET representa cerca de 85% da indústria de medicamentos veterinários em Portugal.


Foto M. Alvarenga



Coliseu Figueirense celebra 125º aniversário com dois "corridões"


Conforme noticiado o Coliseu Figueirense - a emblemática praça de toiros da Figueira da Foz - celebra no ano de 2020 o seu 125º aniversário. Para comemorar tamanha efeméride a empresa de Ricardo Levesinho, promotora dos espectáculos taurinos que ali se realizam promove duas corridas de toiros à portuguesa nos dias 22 e 29 de Agosto onde despontam os grandes nomes da tauromaquia, assim como da ilustração!

As imagens que irão promover ambos os espectáculos são autoria de André Pimentel, enorme aficionado terceirense que desde o ano de 2018 transporta para os trabalhos que produz para a empresa a sua grande paixão pela Tauromaquia - imagens arrojadas e que ficam na memória de quem ama, tal como todos nós, a nossa Festa Brava.

Relembramos os cartéis que compõem a Temporada de Verão no Coliseu Figueirense:

 

22 de Agosto – 22:00 horas, Corrida à Portuguesa – Após 50 Anos, Forcados de Santarém e Ribatejo voltam a rivalizar na arena

Cavaleiros: Filipe Gonçalves, Marcos Bastinhas e João Telles

Forcados: Amadores de Santarém e Amadores do Ribatejo

Ganadaria: 6 toiros de José Luis Cochicho

 

29 de Agosto – 22:00 horas, Corrida Comemorativa do 125º aniversário do Coliseu Figueirense e do Ginásio Clube Figueirense – Concurso Ganadero do Mondego

Cavaleiros: Rui Salvador, Luis Rouxinol, Andrés Romero, Luis Rouxinol jr, Soraia Costa e Joaquim Brito Paes

Forcados: Amadores de Coruche, Amadores de Monforte e Amadores Coimbra

Ganadaria: 3 toiros de Santos Silva e 3 toiros de António Valente




Ontem, 3ª feira: 15.043 leram o "Farpas"!


Visualizações de páginas de hoje

3 386
Visualizações de página de ontem
15 043
Visualizações de páginas no último mês
343 205
Histórico total 
de visualizações 
de páginas
29 329 432


TVI desmente corrida de toiros em Alcochete


Gabriela Silva, do Gabinete de Relações Públicas da TVI, desmente que a estação tenha projectada qualquer transmissão de uma corrida de toiros desde a praça de Alcochete, como ontem se tinha, erradamente, noticiado.


terça-feira, 4 de agosto de 2020

Próximo sábado, dia 8: todos os caminhos vão dar a Alcochete!


Campo Pequeno: bilhetes individuais já disponíveis


Se for sózinho do Campo Pequeno (todos têm esse direito), já pode comprar o seu bilhete individual. 
A empresa Ovação & Palmas, de Luis Miguel Pombeiro, emitiu esta tarde um comunicado dando conta de que "devido às medidas impostas pela Direcção-Geral de Saúde e à marcação da praça de toiros em conformidade com as mesmas, há lugares para venda no site Ticketline e no dia da corrida também são desbloqueados a partir das 19 horas, até à hora da corrida (21h45), dentro das limitações existentes. Vamos assim ao encontro das necessidades e pedidos do nosso estimado público".

Foto M. Alvarenga


Santarém, 26 de Setembro: já abriu a bilheteira do Posto de Turismo



5ª feira: uma corrida séria para aficionados de verdade!


Covid-19: um morto e 112 infectados nas últimas 24 horas


Portugal registou nas últimas 24 horas, uma morte por covid-19 desde o balanço de segunda-feira, marcado pela ausência de novos óbitos. Há 112 novos infectados e mais 207 recuperados. No total, 1.739 mortes e 51.681 casos.
Segundo o boletim diário da Direcção-Geral da Saúde, morreu uma pessoa desde ontem, dia em que o balanço tinha dado conta de zero óbitos, pela primeira vez desde 16 de Março. A vítima mortal, que eleva para 1.739 o número total de mortes por covid-19, é uma mulher com idade entre os 70 e os 79 anos.
Nas últimas 24 horas, foram registados mais 112 casos de infecção (ontem foram 106), havendo agora 51.681 infectados. 
Dos novos contágios, 68 registaram-se em Lisboa e Vale do Tejo (que soma um total de 26.389 infetados), o que equivale a cerca de 61% do total, longe dos mais de 90% que a região chegou a representar diariamente no início do Verão. O Norte soma hoje mais 19 casos (18.816), a região Centro mais 10 (4.475), o Alentejo mais um (746) e o Algarve mais nove (901). Os Açores têm mais um caso (169) e a Madeira mais cinco (117).
Há, em todo o país, 401 pessoas a receber tratamento hospitalar (mais 11 do que ontem), 44 das quais em Unidades de Cuidados Intensivos (mais duas). Há, por outro lado, 37.318 casos recuperados, mais 207 do que ontem.

Fonte: "Jornal de Notícias"/DGS


Foto D.R.



Última corrida de José Falcão em Portugal foi há 46 anos na Figueira da Foz


O saudoso matador de toiros José Falcão despediu-se há 46 anos do público do seu país, sem imaginar que aquela seria a sua última corrida em Portugal.
A 4 de Agosto de 1974, toureou na Figueira da Foz numa corrida mista em que alternou com Ricardo Chibanga (foto), oito dias antes de o toiro "Cuchareto" de Hoyo de la Gitana lhe roubar a vida na Monumental de Barcelona (11 de Agosto).
Recordamos a efeméride com saudade e em jeito de homenagem à memória do grande toureiro vilafranquense.

Foto D.R.



Dois cavaleiros e António J. Ferreira na mista de Setembro no Campo Pequeno


O empresário Luis Miguel Pombeiro alterou por completo o elenco da corrida mista no Campo Pequeno, para o qual previa quatro cavaleiros e dois matadores na lide de um toiro cada.
A corrida, que deverá ser no dia 3 de Setembro, a abrir a segunda parte da temporada lisboeta, terá um cartel formado por dois cavaleiros da primeira fila e um único matador de toiros - António João Ferreira, que regressa a Lisboa depois da violenta colhida que aqui sofreu em 2019. 
A corrida será de seis toiros, dois para cada artista, da emblemática ganadaria Vinhas, que comemora na primeira praça do país o 70º aniversário da sua fundação. Pegarão dois grupos de forcados.
E na terceira parte da temporada pode ainda haver uma segunda corrida mista no Campo Pequeno.

Foto D.R.



Corrida TVI a 29 de Agosto em Alcochete


Depois das duas corridas que compõem a Feira do Toiro-Toiro, nos próximos dias 8 e 14 de Agosto, em Alcochete, a castiça praça ribeirinha será palco da Corrida TVI na noite de 29 de Agosto (sábado).
Uma notícia que adiantamos em primeira mão e cujo cartel não está ainda rematado.

Foto M. Alvarenga


Associações de Toureiros e Ganadeiros também vetam Corrida RTP de Monforte solidárias com a ANGF


Estamos, indiscutivelmente, perante uma verdadeira (e triste) novela mexicana. A Corrida RTP anunciada para dia 28 deste mês em Monforte está cada vez mais em risco de não se realizar. 
Fátima Pinto, gerente da empresa Bússolas e Descobertas, a empresária promotora do espectáculo (em parceria com a Casa do Pessoal da RTP, presidida pelo jornalista Luis Castro), admite mesmo agora a hipótese de "passar a pasta" a outro empresário, convidando-o para ser o organizador da corrida, depois de a Associação Nacional de Grupos de Forcados ter aconselhado os seus grupos a não pegarem nessa corrida, devido a uma dívida do empresário João Duarte (3.375 euros) a três grupos de forcados (Amadores da Tertúlia Terceirense, Amadores do Ramo Grande e Real Grupo de Moura), desde uma corrida que este levou a efeito no ano de 2010 na Ilha Terceira.
Fátima Pinto não é casada com João Duarte - mas vive com o empresário. Esse facto levou a ANGF a acreditar que a Corrida RTP de Monforte era, ainda que indirectamente, organizada por ele e por isso pôs em marcha todo este processo para tentar cobrar a antiga dívida. 
Agora, a Associação Nacional de Toureiros e a Associação Portuguesa de Criadores de Toiros de Lide (Ganadeiros) solidarizaram-se com a ANGF e aconselharam também os seus associados a não participarem na referida tourada (que está a transformar-se mesmo numa verdadeira tourada...). 
A ANdT terá aconselhado os cavaleiros Moura Caetano, Miguel Moura e Ricardo Cravidão (cavaleiro praticante que é apoderado por João Duarte) a não actuarem na Corrida RTP de Monforte e a Associação de Ganadeiros já terá também aconselhado o ganadeiro Paulo Caetano (cujo aniversário da alternativa de cavaleiro tauromáquico estava associado ao espectáculo) a não vender os seus toiros a Fátima Pinto.
A empresária entregou o caso à mediática sociedade de advogados Camacho, Nunes & Associados, gerida pelo conhecido empresário António Nunes, que disse há momentos ao "Farpas" que toda esta trapalhada "pode mesmo pôr em causa a realização de muitas corridas de toiros este ano em Portugal".
A sociedade de advogados vai avançar com processos crimes e cíveis contra as três associações tauromáquicas (forcados, toureiros e ganadeiros) e poderá mesmo interpor providências cautelares que vão colocar em risco as próximas corridas de toiros.
"O facto de a empresária Fátima Pinto ter uma relação com o empresário João Duarte em nada a obriga ao pagamento de dívidas que ele tenha contraído. A ANGF terá que pedir contas a João Duarte, mas nunca a Fátima Pinto. Por outro lado, João Duarte terá uma dívida para com forcados, mas nenhuma dívida a toureiros ou ganadeiros, pelo que não tem nenhum fundamento que estes o estejam também agora a vetar", diz-nos António Nunes.
A procissão continua ainda no adro. Mas promete muita "guerra" nos próximos dias...

Foto Emílio de Jesus/Arquivo

Fátima Pinto não é oficialmente casada com João Duarte e não
pode ser responsabilizada pelas dívidas deste,
sustentam os advogados



5ª feira: temos todos outra vez encontro marcado na Nossa Casa!



Alcochete: o toiro de Fernandes de Castro para o Concurso deste sábado


Mais um "toirão" para o 38º Concurso de Ganadarias Associadas "António Manuel Cardoso Nené" que no próximo sábado, dia 8, às 22h00, se vai realizar na praça de Alcochete - onde o toiro é rei!
Desta vez, o toiro da prestigiada ganadaria Fernandes de Castro, que disputará os prémios de bravura e apresentação com os exemplares de Veiga Teixeira, António Silva, Brito Paes, Canas Vigouroux e José Palha.
A primeira das duas corridas da magnífica Feira do Toiro-Toiro tem um cartel de alta competição formado pelos cavaleiros João Ribeiro Telles, Francisco PalhaAntónio Prates (que na época passada tomou a alternativa nesta mesma praça).
Nas pegas e como reza a tradição vai estar em solitário o valoroso grupo de forcados Amadores de Alcochete, sob o comando do experiente Nuno Santana.
A bilheteira da empresa Toiros & Tauromaquia no Largo de São João, junto à Igreja Matriz, abriu na última sexta-feira e tem registado uma grande afluência. As reservas podem ser feitas pelo telemóvel 914 094 038.

Foto T. Caeiro/Toiros & Tauromaquia


Dupla tenta "passar a perna" a Rui Bento na Nazaré...


Esperteza saloia: uma dupla (pseudo) empresarial, ao que tudo indica a mando de uma figuraça da nossa (atribulada) Festa, propôs esta semana a Nuno Batalha, presidente da Confraria de Nossa Senhora da Nazaré, passar a gerir a praça de toiros do Sítio que, como todo o mundo sabe, é gerida desde a temporada passada por Rui Bento, ex-director do departamento de Actividades Tauromáquicas do Campo Pequeno.
Chegaram mesmo a apresentar os cartéis que se propunham levar a efeito esta temporada na praça da Nazaré e tudo, sabendo de antemão que a gestão da praça tinha "dono" - a quem se propunham "passar a perna"... Assim vai a nossa Festa.
Nuno Batalha e Rui Bento (foto) continuam de pedra e cal e ao antigo matador de toiros competirá uma vez mais a organização das corridas que eventualmente se venham a realizar este ano na Nazaré (duas, pelo menos).
E os actos, esses ficam para quem os pratica...

Foto M. Alvarenga



Palacete onde vivia Mário Coelho está à venda por 1,3 milhões


O palacete em Vila Franca de Xira onde viveu o Maestro Mário Coelho está à venda por 1,3 milhões - anunciou ontem o "Correio da Manhã".
Datado do século XVIII, o palacete situa-se no centro da cidade, no largo da Igreja onde em Outubro passado foi inaugurado o monumento ao famoso toureiro. Foi residência de muitos ilustres vilafranquenses, até ser adquirido pelo embaixador Álvaro Guerra, cuja viúva, Helena Guerra, se casou posteriormente com Mário Coelho.
O emblemático matador de toiros, nascido em Vila Franca de Xira há 84 anos numa casa próxima deste palacete, agora a Casa Museu Mário Coelho, morreu há cerca de um mês vítima da covid-19 e está sepultado no cemitério da sua cidade.

Foto D.R.

Telles Bastos e Bastinhas também na Corrida RTP de Almeirim


Manuel Ribeiro Telles Bastos e Marcos Bastinhas (fotos) são mais dois cavaleiros já certos no cartel da Corrida RTP (esta, sim, com um elenco de grande nível) que no dia 11 de Setembro (22h15) se vai efectuar na Arena D'Almeirim, a favor da Santa Casa da Misericórdia, proprietária da praça. 
Esta manhã fora também anunciada a presença no cartel da jovem cavaleira Mara Pimenta.
Rui Bento deverá ter o elenco concluído ainda durante o dia de hoje.

Fotos Frederico Henriques e Maria Mil-Homens



5ª feira: a verdade do toiro numa corrida séria para aficionados!



"Um ano diferente, uma praça especial": João Telles este sábado em Alcochete!



5 de Setembro: todos os caminhos vão dar a Estremoz!



Mara Pimenta na Corrida RTP de Almeirim


Mara Pimenta é a primeira artista conhecida do elenco da Corrida RTP (Casa do Pessoal da RTP) que no próximo dia 11 de Setembro se realiza, como ontem noticiámos, na Arena D'Almeirim.
Recorde-se que a jovem cavaleira tinha agendada a sua alternativa para Maio nesta mesma praça, cerimónia que não se realizou devido à pandemia e ficou adiada para a próxima temporada.
O cartel, como nos revelou Rui Bento, assessor da Santa Casa da Misericórdia de Almeirim (proprietária da praça) para a promoção de espectáculos tauromáquicos, será composto por seis jovens cavaleiros e dois ou três grupos de forcados, lidando-se seis toiros de distintas ganadarias.

Foto Arena D'Almeirim/Facebook



É esta a "democracia" deles...


A praça de toiros de Alcochete e vários cartazes da Feira do Toiro-Toiro, que arranca no próximo sábado, foram esta noite vandalizados com escritos onde se lê "Tourada a Vergonha Nacional". É a "democracia" deles...
A empresa Toiros & Tauromaquia já reagiu nas redes sociais deixando bem claro que  "nem assim nos fazem frente" e apelou: "Vamos mostrar a nossa força! Sábado lá estaremos em Alcochete".

Fotos D.R.


Ontem, 2ª feira: 16.599 leram o "Farpas"!


Visualizações de páginas de hoje

2 934
Visualizações de página de ontem
16 599
Visualizações de páginas no último mês
343 205
Histórico total 
de visualizações 
de páginas
29 313 937


5ª feira: noite de emoções na segunda corrida da temporada lisboeta



Alcochete: o toiro de Brito Paes para o Concurso deste sábado


Eis o bem rematado toiro da ganadaria Brito Paes para o 38º Concurso de Ganadarias "António Manuel Cardoso Nené" que no próximo sábado, dia 8 (22h00) abre a Feira do Toiro-Toiro em Alcochete.
Disputará com os exemplares das ganadarias Veiga Teixeira, António Silva, Fernandes de Castro, Canas Vigouroux e José Palha os prémios de bravura e apresentação naquele que é um dos mais prestigiados concursos do calendário taurino nacional.
O cartel da nocturna deste sábado é composto pelos cavaleiros João Ribeiro Telles, Francisco Palha e António Prates e pelo valoroso grupo de forcados Amadores de Alcochete que, como manda a tradição, pegará em solitário os seis toiros.
O bilhetes estão desde sexta-feira à venda na bilheteira da empresa Toiros & Tauromaquia no Largo de São João, junto à Igreja Matriz, em Alcochete e as reservas podem ser feitas pelo telemóvel 914 094 038.

Foto T. Caeiro/Toiros & Tauromaquia



Nunes, Nunes & Nunes ontem em Huelva


O empresário e apoderado de Andrés Romero, António Nunes, assistiu ontem à corrida de Huelva como convidado especial da empresa no burladero, acompanhado por seu irmão gémeo João António Nunes e seu sobrinho David Nunes.

Foto D.R.


David de Miranda corta duas orelhas e sai triunfador de Huelva


O matador David de Miranda, que cortou uma orelha a cada um dos seus toiros, sagrou-se máximo triunfador da corrida de ontem à tarde em Huelva, segunda e última da Feira das Colombinas, este ano em formato mais reduzido e com menos público, dadas as novas normas sanitárias (três quartos preenchidos, segundo o site aplausos.es).
Enrique Ponce foi ovacionado nos dois toiros e o francês Sebastián Castella cortou uma orelha ao seu primeiro e foi aplaudido no outro. O rejoneador Andrés Romero foi premiado com uma orelha no primeiro toiro da corrida e foi ovacionado no seu segundo.
Lidaram-se oito toiros, dois de San Pelayo para a lide a cavalo e seis de Juan Pedro Domecq para a lide a pé.

Foto Arjona/aplausos.es 

David de Miranda cortou duas orelhas ontem em Huelva


Cabo dos Académicos de Coimbra desmente empresária Fátima Pinto e confirma ter sido contactado por João Duarte para pegar Corrida RTP de Monforte


A espécie de "novela mexicana" continua... Escrevemos ontem à tarde que, após a Associação Nacional de Grupos de Forcados ter aconselhado os cabos dos seus grupos a não pegarem para organizações promovidas directa ou indirectamente pelo empresário João Duarte enquanto este não liquidasse a dívida que tem para com três grupos desde uma corrida em Agosto de 2010 na Ilha Terceira, o que punha em causa a participação de forcados na Corrida RTP agendada para dia 28 em Monforte (promovida pela empresa da mulher de João Duarte), a organização dessa mesma corrida contactara o grupo de forcados Amadores Académicos de Coimbra (não associado) para pegar nesse espectáculo.
A empresária Maria de Fátima Gaspar Pinto, alegada promotora da referida Corrida RTP em parceria com a Casa do Pessoal da RTP, enviou-nos um comunicado ao final da tarde (que publicámos), desmentindo essa nossa informação e informando que, pelo contrário, foi "o grupo de forcados mencionado pelo Senhor Miguel Alvarenga" (Académicos de Coimbra) que "ligou ao Senhor João Duarte" (que, pelos vistos, tem alguma coisa a ver com a organização da corrida...) "no dia 01/08/2020 a oferecer-se para pegar a corrida".
Agora, Ricardo Marques (foto), cabo dos Amadores Académicos de Coimbra, envia-nos também ele o comunicado que a seguir publicamos na íntegra, desmentindo a empresária e confirmando que foi, de facto, contactado por João Duarte no último fim-de-semana para pegar a corrida, tendo recusando em nome da solidariedade para com os grupos de forcados. credores e para com a ANGF.
Aqui vai o comunicado:

O Grupo de Forcados Amadores Académicos de Coimbra lamenta profundamente, que num momento difícil para a sociedade em geral e em particular para a tauromaquia, nos vejamos obrigados a emitir este comunicado.

Os tempos são (ou deveriam ser...) de união entre as gentes da Festa.

A bem de todos!

É portanto com pesar que assistimos às declarações da Sra. Fátima Pinto.

Ao contrário do exposto pela supra citada Senhora, fomos contactados pelo sr. João Duarte no passado dia 1 de Agosto.

Nessa mesma ocasião, foi-nos endereçado o convite para pegarmos a corrida de dia 28 de Agosto em Monforte, caso nenhum Grupo associado aceitasse.

Foi exactamente assim exposto pelo empresário em questão.

Prontamente recusámos!

Não vislumbramos qualquer necessidade de o fazer, mas para que não restem dúvidas, vimos, desta vez de forma pública, manifestar a nossa posição face a este assunto.

Sr.  João Duarte e Sra. Fátima Pinto, o nosso Grupo não estava antes e continua a não estar agora, disponível para actuar no espectáculo supra citado.

É pública a nossa solidariedade para com a ANGF nas suas tomadas de posições em geral e aplicamos exactamente os mesmos critérios de solidariedade, relativamente a este assunto.

Reiteramos ainda que, com estes ou outros empresários, sempre que surjam situações idênticas, o Grupo de Forcados Amadores Académicos de Coimbra, apesar de Grupo não-associado, vai sempre respeitar as posições tomadas pela ANGF e seguir-lhe o exemplo.

Enviamos as nossas mais sinceras contrições a todos os amantes da Festa Brava, por estarmos a fazer este comunicado, mas como sabiamente dita o povo, “quem não se sente, não é filho de boa gente”.

Tudo continuaremos a fazer para andar na Festa Brava de bem e a acrescentar valor.

Seja como associados ou como não-associados!

Terminamos, desejando que no próximo dia 28 de Agosto tudo corra pelo melhor aos empresários e a todos os intervenientes da corrida de Monforte.

Que seja a noite sonhada por todos!

Que dignifiquem a Festa e os aficionados!

Enviamos também um cumprimento especial ao Mestre Paulo Caetano pelos seus 40 anos de alternativa e ao Grupo de Monforte que celebra os seus 20 anos de existência.

Sorte!

 

Cabo Ricardo R. Marques

P/Grupo de Forcados Amadores Académicos de Coimbra


Foto D.R.


segunda-feira, 3 de agosto de 2020

Protagonistas da próxima nocturna de Lisboa fazem amanhã antevisão da corrida no "Tauronews"


O ganadeiro Joaquim Grave, os cavaleiros Ana Batista (que comemora 20 anos de alternativa), Manuel Ribeiro Telles Bastos e Luis Rouxinol Jr. e os cabos dos dois grupos de forcados, António Vacas de Carvalho (Montemor) e Vasco Pereira (Vila Franca) fazem amanhã, terça-feira, um antevisão da próxima nocturna do Campo Pequeno num debate no site "Tauronews", a que pode assistir a partir das 22h00 no Facebook e no YouTube deste site.



Empresária Fátima Pinto fala pela primeira vez: "Quero acreditar que a Ministra da Cultura não tem razão..."


A propósito das referências hoje aqui dadas à estampa sobre as dívidas do empresário João Duarte à Associação Nacional de Grupos de Forcados e à posição por esta assumida de aconselhar os seus grupos a não pegarem em corridas promovidas por este empresário e, no caso concreto, na Corrida RTP do próximo dia 28 em Monforte, recebemos, solicitando (não era necessário) publicação ao abrigo do Direito de Resposta, de Maria de Fátima Gaspar Pinto, gerente da empresa Bússolas e Descobertas, que organiza a referida corrida televisionada, o esclarecimento que passamos a publicar na íntegra:


- A Corrida de Toiros é organizada pela Empresa "Bússolas e Descobertas, Unipessoal, Lda", na pessoa da sua gerente e sócia única - Maria de Fátima Gaspar Pinto.


- A dívida que é atribuída ao Senhor João Duarte (cerca de 3.300 euros) é de uma Empresa que já não existe há 10 anos, a qual já está prescrita, pois ao fim de 5 anos tal situação ocorre.


- O repasto ocorrido na passada sexta-feira, dia 31 de julho, com o Senhor Presidente da ANGF -  Diogo Durão - não foi inconclusivo! Desse almoço saiu uma proposta de pagamento, por parte do Senhor João Duarte, com a concordância do Senhor Diogo Durão, para sua apresentação numa reunião a ocorrer no dia seguinte com os Órgãos Sociais da ANGF. A referida proposta foi apresentada, pelo Senhor João Duarte, por uma questão de ética, uma vez que não sendo obrigado a pagar e possui provas escritas de que um Grupo de Forcados do Continente se deslocaria aos Açores, pagando o Grupo as suas viagens, as sua estadias e sem cachet. Os dois restantes Grupos de Forcados, quando o Senhor João Duarte quis efetuar os pagamentos, estes responderam que o Presidente da ANGF, na altura, já os tinha efetuado e para não receberem dinheiro do Senhor João Duarte.


- Até ao momento a gerente da Empresa e Promotora do espetáculo ainda não recebeu qualquer informação sobre a recusa dos Grupos de Forcados para actuarem na referida Corrida de Toiros. Contudo, os Grupos convidados, já acolheram inúmeros telefonemas da ANGF a aconselhá-los a não pegarem qualquer Corrida de Toiros  em que a Empresa e/ou o organizador seja o Empresário João Duarte, a título individual, colectivo ou onde este faça parte da sociedade.


- É falso que ocorreu um contacto da Empresa com qualquer outro Grupo de Forcados senão os convidados! Verdade sim é o facto de já ter recebido vários contactos telefónicos de Grupos de Forcados Associados e não Associados a oferecerem-se para pegar a Corrida de Toiros. Nomeadamente,  o Grupo de Forcados, mencionado pelo Senhor Miguel Alvarenga, ligou ao Senhor João Duarte, no dia 01/08/2020 a oferecer-se para pegar a Corrida.


- Atendendo a que esta Firma não tem qualquer dívida com nenhum agente da Festa (Grupos de Forcados, Cavaleiros, Ganadeiros, Estado e Finanças, ...) porque razão está a ser impossibilitada de exercer a sua atividade?


- Ao longo destes 10 anos, como é do conhecimento público, o Senhor João Duarte colaborou com a Tauromaquia, quer na organização de Corridas de Toiros com outros Empresários, quer nos pedidos de Grupos de Forcados (que alguns deles pertencem, atualmente, aos Órgãos Sociais da ANGF) para atuarem nesta ou naquela Praça de Toiros e, sobretudo, quando as Corridas de Toiros eram televisionadas (RTP, TVI), a sua participação, o seu apoio sempre foram bem aceites e considerados uma mais-valia para todos. Então qual o motivo de não estarem a agir do mesmo modo, da mesma forma com esta Empresa?


Quero acreditar que tal não está a acontecer por ser Mulher... 

Quero acreditar que os "Homens dos Toiros" são seres pensantes e livres de preconceitos...

Quero acreditar que todos estamos no mesmo barco em prol e a bem da Festa, da Tauromaquia...

Quero acreditar que a Senhor Ministra da Cultura não tem razão...

Quero acreditar que isto só está a acontecer porque sim... 

Obrigada.


Maria de Fátima Gaspar Pinto


Foto Fernando Clemente



5ª feira: a segunda grande noite da temporada na Nossa Casa!



Alcochete: grande afluência desde 6ª feira na bilheteira do Largo de S. João


Está a registar grande afluência de público, como era de prever, a bilheteira da empresa Toiros & Tauromaquia, que sexta-feira passada abriu, como sempre, no Largo de São João, junto à Igreja Matriz e onde os aficionados continuam a comprar os seus bilhetes para as duas magníficas corridas da Feira do Toiro-Toiro, em Alcochete, a primeira já no próximo sábado, dia 8 e a segunda na sexta-feira, 14, ambas às 22h00.
Na primeira corrida, o 38º Concurso de Ganadarias Associadas "António Manuel Cardoso Nené", disputam os prémios de bravura e apresentação seis toiros das ganadarias Veiga Teixeira, António Silva, Fernandes de Castro, Brito Paes, Canas Vigouroux e José Palha e actuam os cavaleiros João Ribeiro Telles, Francisco Palha e António Prates, pegando em solitário os valentes forcados dos Amadores de Alcochete, comandados por Nuno Santana.
Na segunda corrida comemora-se o 55º aniversário do grupo de forcados Amadores do Aposento do Barrete Verde de Alcochete, que reparte cartel com os Amadores de São Manços, também a comemorar esta temporada os seus 55 anos de actividade. Lidam-se toiros da ganadaria Fernandes de Castro e toureiam os cavaleiros Luis Rouxinol, Filipe Gonçalves e Marcos Bastinhas, que disputam um troféu para o melhor par de bandarilhas.

Foto D.R.
 

ANGF rectifica notícia do "Farpas": dívida de João Duarte não supera os 4 mil euros


A Associação Nacional de Grupos de Forcados rectifica o que anteriormente aqui noticiámos: a dívida do empresário João Duarte não é superior a 4 mil euros, mas sim de 3.375 euros.
Reporta ao ano de 2010 (Agosto), quando o empresário levou a efeito uma corrida na Ilha Terceira e ficou a dever os honorários aos grupos de forcados Amadores da Tertúlia Terceirense, do Ramo Grande e ao Real Grupo de Moura.
Como aqui referimos, a ANGF reclama agora essa dívida ao empresário (foto) e já aconselhou os seus associados a que não pegassem em nenhuma corrida promovida por Duarte.
Em causa está a Corrida RTP anunciada para o próximo dia 28 na praça de Monforte, em que actuariam os grupos de forcados de Monforte e de Beja.
Como aqui adiantámos, Diogo Durão, presidente da ANGF, esteve na última sexta-feira reunido com João Duarte e sua mulher, Maria de Fátima Pinto Gaspar (gerente da empresa que promove a corrida) num alongado almoço em que nada ficou resolvido. A associação, através dos cabos dos grupos associados, não terá aceite a proposta de acordo apresentada pelo empresário.
Já este fim-de-semana a organização contactou o grupo de forcados Académicos de Coimbra, grupo ainda não associado, mas o cabo Ricardo Marques recusou-se a aceitar pegar a corrida, em solidariedade para com os grupos credores, apesar das muitas pressões que recebeu para que dissesse "sim".
Neste momento e como resultado dessa contenda, mantém-se o impasse quanto à realização da Corrida RTP em Monforte.
João Duarte alega que a organização pertence à empresa de sua mulher e que esta não deve um cêntimo a ninguém e entregou o assunto a uma conhecida sociedade de advogados; a ANGF não cede e insiste que enquanto a dívida não foi liquidada não haverá forcados na corrida televisionada de Monforte.

Foto D.R.


Madrid: toiros regressam a Alcalá de Henares


Os empresários Manuel Martínez Erice e Jorge Arellano anunciam o regresso dos toiros à praça es Alcalá de Henares (província de Madrid), após ter estado cinco anos inactiva - anuncia o site aplausos.es.
Vão levar a efeito uma feira em Agosto com três espectáculos, uma corrida de toiros (28), uma de rejoneio (29) e um concurso de recortadores (30).
Na corrida de toiros actuarão os matadores Enrique Ponce, Sebastián Castella e Miguel Ángel Perera com toiros de Garcigrande e na de rejoneadores toureiam Andy Cartagena, Sérgio Galán e Guillermo Hermoso de Mendoza frente a toiros de Bohórquez.

Foto D.R./Google Maps


Covid-19: Portugal sem mortos nas últimas 24 horas


Não houve registo de mortos por coronavírus nas últimas 24 horas em Portugal. Esta é a primeira vez que tal se regista desde o início da pandemia.
De acordo com o boletim da DGS desta segunda-feira, há mais 106 infetados com covid-19, o número mais baixo desde o dia 3 de Maio. O documento indica que, desde o início da pandemia até hoje registam-se 51.569 casos de infecção confirmados e 1.738 mortes. 
Há atualmente 390 pessoas internadas. O número de doentes em Unidades de Cuidados Intensivos aumentou nas últimas 24 horas para 42, (na véspera eram 41). 
Já o número de pessoas recuperadas da doença é agora de 37.111, mais 127 em relação a domingo. Há 1.423 pessoas a aguardar resultado laboratorial, menos 124.
Ainda de referir que Lisboa e Vale do Tejo registou 66 dos novos casos de covid-19, 17 na Região Norte, 10 no Centro, 2 no Alentejo e 5 no Algarve.
Na Madeira houve 5 novos infectados e mais um, no arquipélago dos Açores.

Fonte: "Correio da Manhã"/DGS

Foto D.R.